11/09/2013

Um Desconhecido Bem Conhecido Cap 23 – “Tudo Mentira”

Eu amei essa frase hehehhe

P.O.V. 3ª pessoa
Harriett saiu da mansão de Louis apressada. Ela não queria estar ali para ver a reação dele após falar da aliança. Ela correu para pegar seu ônibus e ir para o trabalho. Aquele trabalho que ela se dedicou desde que entrou. Sem contar o estagio durante a faculdade que também foi na mesma empresa.
Ao todo Harriett trabalha na mesma empresa a quatro anos, três anos de estagio e um ano contratada.
Ela logo chegou ao seu local de trabalho, a grande empresa The Sun, o grande sonho dela. Ela entrou no prédio da empresa e se dirigiu para a recepção.
- Posso ajudar? – a moça que parece um ornitorrinco perguntou com sua voz azeda
- Eu tenho um estagio e hoje é meu primeiro dia – Harriett falou e a recepcionista olhou em um caderninho
- Seu nome, por favor – ela falou com voz aguda que Harriett considerou irritante
- Harriett Callan
[...]
Louis se encontrava jogado no sofá da sala de estar de sua casa. Passava algum programa qualquer enquanto ele bebia agua. Ele se levantou novamente, queria conferir uma ultima vez se não tinha nada melhor do que agua para beber. Assim ele fez, chegou na cozinha e abriu a geladeira. Nada além de agua gelada. Abriu os armários, nada além de agua quente.
Ele pegou um copo de agua gelada e voltou para a sala. Não compensava ficar vagando da cozinha para a sala o dia inteiro.
Ele voltou para a sala. É ele realmente não pensou em nada melhor.
Se levantou e começou a se alongar. Finalmente uma ideia do que fazer.
[...]
- Srta. Callan e Srta. Chong, vejo que temos muito, o que resolver hoje – o Chefe da The Sun falou fazendo Harriett e Chong concordarem
- Sim senhor – Chong falou
- Não me chame de senhor, pode me chamar de Fred – Harriett encarou o “Fred” com certa duvida – uma de vocês irá conseguir o trabalho aqui, a outra ira voltar para Las Vegas.
- Para conseguir o cargo o que temos que fazer? – Hazy perguntou
- Ralar. Darei pequenos trabalhos para vocês, terão que se virar como conseguirem, os melhores desempenhos contarão pontos e no final que tiver a maior pontuação fica com o trabalho.
[...]
Louis já respirava pela boca. Ele estava realmente cansado, é para um sedentário aquilo era exercício demais.
- Ahn! – Louis deu uma raquetada no jogo de tênis do Wii.
Ele ainda se encontrava em sua casa, todo suado e com um controle de Wii em sua mão.
Mais uma raquetada, e outra, mais uma e outra. Louis cai não chão cansado e ofegante.
- Não sirvo para fazer qualquer tipo de exercício – Louis falou consigo mesmo tentando acalmar sua respiração.
Ele calmamente levantou a cabeça e percebeu que tinha somente uma hora para comprar as alianças e ir ate o consultório. Ele levantou correndo e foi tomar um banho. Logo depois do banho se dirigiu para uma loja que vendesse alianças.
[...]
Na frente daquele consultório com portões velhos se encontrava Harriett e Louis. Eles tinham acabado de chegar ali.
- comprou as alianças? – Harriett perguntou e Louis abriu um sorriso maldoso
- Claro, amor! – ele falou e tacou uma caixinha de veludo preto para Hazy
Ela pegou a caixinha no ar. Quando abriu teve a plena certeza que aquilo só podia ser piada. As aliança eram de ouro e cada uma tinha um dado em cima, a maior tinha o numero três com pedrinhas brilhantes e a menor tinha o numero quatro em pedrinhas brilhantes.
- Dados? – Hazy perguntou com raiva colocando a menor aliança no dedo
- Para lembrar que casamos em Las Vegas, a cidade da perdição – Louis falou pegando a maior aliança e colocando no dedo.
- A perdição da minha vida –Hazy falou baixinho
- Ta pronta para isso? –Louis perguntou com um sorriso cínico
- Para o que? Fingir que eu não tenho vontade de vomitar toda a vez que te vejo? – Hazy perguntou ajeitando a aliança no dedo – estou
Louis revirou os olhos e assim os dois entraram no consultório.
[...]
Harriett e Louis se encontravam sentados em um sofá. Louis estava com o braço em volta do ombro de Harriett e Hazy tentava parecer feliz com esse gesto.
- Louis, me fale sobre você, o que goste de fazer? – a terapeuta perguntou
- O que gosto de fazer? – Louis repetiu a pergunta pensando em uma boa resposta – além do meu casamento? – ele perguntou e a terapeuta confirmou – Bom, eu gosto de abraçar ela – ele falou apertando Hazy contra ele – gosto de ouvir ela – falou forçando a voz, isso fez com que a voz dele saísse mais fina – Gosto de ama-la – Louis falou fazendo Hazy soltar uma risadinha falsa – isso é tão fácil – ele completou se remexendo no sofá desconfortável – Já falei ouvir? Aliás, eu guardo um bloquinho comigo – ele falou tirando o braço de volta dos ombros de Hazy e pegando um bloquinho que estava em seu bolo – Gosto de anotar o que ela fala, as vezes é importante – ele falou colocando o bloquinho do lado dele e voltando a colocar o braço em volta do ombro de Harriett – gosto de ajudar ela e ama-la, amar ate doer
- é dói sim – Harriett falou baixinho soltando uma risadinha
- Acho que são esses os meus interesses – Louis completou rindo forçado
- Harriett? – a terapeuta perguntou olhando para Harriett
- Tenho que concordar, quero acrescentar também que olhar para ele – Harriett falou e Louis concordou com a cabeça – Eu adoro olhar para ele e ouvir ele cantar – ela falou com a voz um pouco mais fina, sinal de que estava mentindo – Eu adoro tudo nele, muitas pessoas achariam repulsivo, mas sabe, eu não. Eu adoro adorar ele – Harriett completou com um sorriso forçado
- Eu adoro acordar todo dia com o barulho do liquidificador dela – Louis falou meio forçado – vitaminas são nutritivas
- Adoro encontrar cuecas sujas dele no banheiro – Harriett falou sorrindo – algumas pessoas gostariam de juntar e levar, mas eu não, eu tenho vontade de rolar  - Harriett completou e Louis sorriu de um jeito meio maníaco.
- Acho que é isso – Louis falou sorrindo

- Sabem, eu fiz muitos cursos e frequentei a melhores universidades, enfim não acreditei em nada do que vocês me disseram hoje. Então se quiserem que eu relate para o juiz que estão se empenhando no casamento, vão mesmo ter que fazer isso – a terapeuta falou e Louis tirou lentamente o braço que estava em volta do ombro de Harriett e os dois se afastaram com a cabeça baixa.

I WANT YOU
ROCK ME
ROCK ME
ROCK ME
YEAH

Gente, voces soa muio fofas, eu tinha pedido 4 comentarios,
dai quando eu vi tinha 10 :o
serio, voces sao muito perfeitas.
Eu amei todos os comentarios hehehehe,
esse cap pode ficar meio confuso,
qualquer coisa é so me perguntar.
Continuo com 5 comentarios :) 
beijos e queijos
Tália

15 comentários:

  1. Pensei que o Louis jogava futebol .-. kkkkkkkkkk mas ficou muito bom e eu adorei quando psicologo disse que não acreditava neles. kkkkkkkkkk continua baby <3

    ResponderExcluir
  2. continuaaaaaaaaaaaaa <3

    ResponderExcluir
  3. hahaha pow nem mentiro kkkkkkkk
    Continua flor :)

    ResponderExcluir
  4. Perfeitoooo,eu amo esse filme e tbm amo sua fic

    ResponderExcluir
  5. Continuuuuuuuua pfff ta perfecto
    -Amelia

    ResponderExcluir
  6. Continuuuuuuuua pfff ta perfecto
    -Amelia

    ResponderExcluir
  7. continua ta muuuuuuuuuiito perfeito

    ResponderExcluir
  8. talia serio se voc for fazer como voc diz (dica) que voc sempre esta dando ao acabar o cap vai ficar muito chato desculpa mas é minha opinião posso estar errada claro mas eu acho que ficaria muito chato mas tomara que de certo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. óoh minha querida qm é vc? e pq ta usando o meu "nome"?? se vc ñ tem coragem nem de dar o seu nome pra falar ponha em anonimo mas ñ usa o nome dos outros ñ se liga eu amooo essa fic aki

      Excluir
  9. Oiii! Amei seu blog, os posts, o layout... Tudo! *-* rsrs. Se você puder me ajudar, faz uma visitinha pro meu blog? E se gostar, segue ele, adiciona aos favoritos, põe como página inicial, enfim, desde que você possa visitá-lo. Desde já, agradeço, amore! Bjos
    http://diariodefans1d.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. continuaaaaaaaaaaaaaa <3
    ta tão perfeito, acho que vo chora :'''')

    ResponderExcluir
  11. Divulgaa?http://directionersforever1dlove.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir