8/20/2013

Feel The Love - Cap 3 - Hambúrguer Voador ?



Ally POV's 


                                                          [...]



     Já estava entediada de ficar encarando aquele homem,que parecia ser chinês ou japonês,ah sei lá.Meus olhos estavam ficando cansados. Estávamos sentadas há 1 hora eu acho,e minha bunda já estava doendo,e minha barriga implorando por comida,enquanto a menina(que eu ainda não sei o nome) ficava me encarando e encarando o cara lá.Ainda tava me perguntando o que agente estava fazendo ali.

-  O que é exatamente isso ? – perguntei cochichando para ela –
- Sei lá – fez cara de tédio – Acho que é,tipo uma mini enfermagem – falou olhando para os lados
- Ah claro,nós viramos malucas e eles querem proteger as pessoas de serem atacadas por duas meninas com problemas mentais – Bufei e me ajeitei no banco duro.
- Sem drama ok ? – disse ainda cochichando – Pelo menos estamos sentadas.
- Minha bunda está doendo - Resmunguei e me ajeitei novamente.
- Sossega menina -
- Se você não ficasse gritando que nem uma loca,nem aqui nós estaríamos,eu estaria sentada,com o Bob,e comendo minha deliciosa batata. – 
- E se você não tivesse me batido com o seu Bob ai,eu estaria sentada,comendo batata que você iria dividir comigo. – disse no mesmo tom. –
- Eu não iria dividir minha batata – fiz uma careta e ela gargalhou. –
- Eu pegaria do mesmo jeito – mostrei a língua para ela.  -
- Quando nós vamos sair daqui ? – perguntou para o carinha lá. –
- Eu não saber,eu ser apenas infermíro – disse com um pouco de sotaque o que fez com que a menina fizesse uma cara de anta,eu não aguentei e comecei a rir. –
- Shiu ! Não poder fazir barulho aqui ! – disse colocando o dedo na boca –
- Ok ! – disse,tampando a minha boca e continuando rindo. –

     Escutei uma barulho e a mesma voz que disse que iríamos embarca,só que desta vez,falando que iríamos pousar daqui a 10 minutos,pare que todos ficassem em seus devidos lugares.Eu gritei um aleluia por dentro,não aguentava mais ficar sentada ali.Nós levantamos e nos despedimos do tio Chuguina-san,que era aquele carinha estranho.No mesmo tempo,em que as pessoas iam descendo do avião,percebi que ainda não sabia o nome da minha “colega de viagem em um avião estranho”.
- Ally ! – disse estendendo minha mão.
- Hã ? –
- Meu nome é Ally ,sua anta ! – falei rindo de sua cara –
- Ata.Vou fingir que não me ofendi –
- Ok,finja -
- Me chamo Gabriella,mas prefiro que me chamem de Gabs – disse simpática e apertou minha mão, descemos do avião e fomos pegar nossas malas.
- Aqui. – me entregou um pedaço de papel – Meu número,twitter e blá blá blá,eu trabalho na  lanchonete Fryers Delight¹ – disse enquanto andava para pegar suas malas – Qualquer coisa,você me acha lá. –
– Tem certeza que não precisa de ajuda ? – Ela me perguntou,e ao mesmo tempo olhando para os lados –
- Não,eu to bem.Só vou sair por...Ali ? – Apontei para uma porta.
- Ali é um banheiro !  – ela riu.
- Eu me viro – bufei.
- Ok,desculpa – disse respirando um pouco,já que andávamos rápido – Droga,estou atrasada.
-  Olha,tenho que ir.Qualquer coisa você me acha nesse endereço.Tchau,Ally ! –
- Ok ! Tchau. – Sorriu em resposta e foi embora –

           Bom agora eu tinha que me virar por aqui.Estava andando,e procurando uma saída no aeroporto,já que aquela porta era um banheiro.Quando eu tinha finalmente achado a saída,um rapaz esbarrou em mim do nada.Ele usava casacos,toucas e cachecóis por causa do frio,seus olhos pareciam ser azuis claros,e seu cabelo era loiro,parecia ter uma barba,bem rala.Ele passou por mim e deixou uma carta cai.

- Ei,cara – eu o chamei,mas não adiantou nada,já que ele estava longe demais e nem se virou  para mim.Peguei a carta em minhas mãos e fiquei olhando-a...O que será que tem escrito aqui ? Não que eu seja curiosa,mas se você tivesse uma carta em suas mãos,o que você faria ?

                                                                           [...]

 Harry POV’s

Eu estava quase me mijando de tanto rir,aquela cena,era a pior de todas desde da ultima vez que nós vimos a Sarah.Ela que - provavelmente - tinha entrando pela janela,e estava segurando a perna do Zayn,e o Louis corria desesperado pensando que era um ladrão e Liam,ria da situação,que nem eu e Niall.Depois de um tempo,Louis percebeu que era a Sarah e foi correndo abraça-la.

- O que exatamente você faz aqui ? – Eu perguntei,me recuperando.
- Ah,sei lá.Meus pais queriam me mandar para um colégio militar – Fez cara de indignada e eu ri baixo.
- E você simplesmente foge ? – Liam ainda queria entender.
- É.Eles não podem me obrigar a fazer nada. – Disse com firmeza e se deitou no sofá. – Faltam apenas 2 dias para terminar as inscrições,e eles precisam dos meus documentos,algo que eles não vão ter nunca.
- E você vai ficar...? – Zayn estava com medo da resposta.Toda vez que ela vinha aqui,nós viramos mendigos,esquecemos de onde moramos e nos metemos nas piores situações possíveis.
- Aqui ué. – Colocou os pés em cima da mesinha da sala,jogando sua mochila para algum canto ai.
- O quê ? – Niall olhou para Louis –
- Qual é gente,ela é só uma adolescente em crise,tentando querer o seu bem. – Nós bufamos e ela sorriu vitoriosa. – Então,vamos ?
- Vamos,estou esperando isso a meia hora – Zayn já estava na porta. –
- Aonde vocês vão ? –
- Em um Starbucks aqui perto...E nem vem,você vai ficar ai. – Eu disse e ela bufou e se sentou de novo.
- Sem mexer em nada.
- Não toque nas colheres.
- Não implique com os pombos.
- E não come minha comida. – Niall disse por fim,e saímos.

                                                                              [...]


     Estávamos no Starbucks mas próximo de nosso apartamento,além do mais,precisávamos vigia-lo.Era uma terça-feira,não passava de 4 horas de tarde,o pouco sol que tinha,esquentava alguns senhores que estavam conversando em uma praça ali perto.E os meninos como sempre,fazendo uma pequena guerra de comida.Pelo menos,ainda não tinha voado nada.

- Dá para vocês pararem ? – Eu meio que gritei,mas acho que não adiantou nada.

- Xiiu,quieto Harry ! E Louis o que é isso na sua blusa ? – Zayn perguntou –
- Parece Ketchup...- falou Niall se aproximando dele,e provando o que estava no mesmo. – Sim,é Ketchup com gosto de peperoni.Isso é bom. – Ele falou ainda sentindo o gosto em sua boca e todos voltaram a fazer o que estavam fazendo.

- O Harry tem razão,acho melhor vocês parare... – Louis parou no mesmo estante em que viu algo voar em sua cara.

Pois é,estava demorando para algo voar em alguém.– Pensei quando vi a cara de Louis.Eu não aguentei e comecei a rir,enquanto Zayn, tentava se esconder.


 - O.que.é.isso ? – falou enquanto colocava a mão no cabelo, e fazia uma cara estranha.
- Um hambúrguer voador ? – Zayn disse se preparando para correr. – Bom,sabe,tem...er...uma minhoca ali ? É isso.Então,tchau. –
- Zayn Malik,volta aqui agora ! – Louis saiu correndo atrás de Zayn.Tem como eles serem mais estranhos ?

- Niall...Isso é cebola ? – Liam falou,tocando em um coiso na cabeça do Niall –
- O que ? Cebola ? Tira.Tira.Tira.AAH. – agora se foi um Irlandês alérgico a cebolas.Só sobrou eu e o Liam –
- Acho melhor eu ajudar ele – Liam se levantou –
- Ah,claro.Mas antes...Pensarápido – Ele tomou um susto quanto eu taquei uma colher nele.Que eu nem sei o que estava fazendo ali.Eu fiquei rindo de sua cara de choro.
- O que é seu está guardado Styles. – ele me olhou com olhos ameaçadores e saiu correndo.Eu não acredito que vou tem que pagar a conta...Aff.

                 Cheguei em casa e encontrei uma cueca em cima do micro-ondas,uma colher na lixeira,um Tomlinson tirando o resto de comida do seu cabelo e um Irlandês de toalha deitado no colo do Liam.Eu ri daquela cena gay dos meninos.Não tem como eles serem menos idiotas.Fui separado dos meus pensamentos quando o telefone tocou.Nós nos encaramos e olhamos para o Louis.

- Aff.Tudo eu nessa casa.Tudo eu. – foi resmungando até o telefone. –
"Alô ?"
"Uhum"
 "Sim é"
"CALMA "
"Ata,ok,está sim"
 "Aqui ?"
 "Ahaam" – ele fez uma careta.
 "Ok.Tchau..". – ficamos encarando ele a espera que ele falasse algo.

- Que foi ? Ata – que cara lerdo ¬¬’ – Era a Megan.

         Quando ele disse isso,eu arregalei meus olhos,eu esqueci que hoje eu ia sair com ela,pelo jeito ela ficou plantada.

- O QUE ? O que ela disse ?
- Que você deixou ela plantada quase 2 horas,e que está te esperando no Starbucks,que fica daqui a 4 quarteirões – Voltou a tirar comida de seu cabelo
- Por que você não foi homem e disse que eu tinha saído ?
-  1° - A namorada é sua. 2° - Ninguém mandou eu atender...3° - Se você fosse homem o suficiente,já teria falado que ela era uma chata e filha do cruz credo e terminaria o namoro com ela.Simples.
- O Louis tá certo cara – Zayn falou
- Também acho – Liam disse –
- Pois é cara – Vez do Niall –

         Eles falaram e ficaram me encarando.Sim,eles estavam certos,mas não é fácil terminar um namoro que começou há anos,e ainda por cima com a Megan.Mesmo sendo falso nosso namoro,ela é legal.E as fãs ? E o nosso empresário ? O que eles iriam pensar ? Todas essas perguntas voltaram a uma única pergunta e solução...E como eu irei ficar com tudo isso ? Como eu vou me sentir se eu terminar com ela ? Aliviado.Talvez.A vida é minha,certo ? Eu tomo minhas próprias decisões ! E eu já sei o que deve ser feito...


 
                                                                         [...]        
                           
- Fryers Delight¹ : Um restaurante em Londres.



 
  Hey ! 
Bom,está ai o cap 3,espero que gostem (:
Desculpe se tiver algum erro.
E obrigada pelos coments !
Beijoos
    Juh ^^

8 comentários:

  1. Oi fofa aqui tem um selinho para vc http://sonhandocomoonedirection.blogspot.com.br/2013/08/segundo-selinho.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey !
      Então,isso sobre o selinho é com a Elo :p
      Mas obrigada por comentar e avisar (:

      Excluir
  2. Respostas
    1. Hey linda \õ/
      Obrigada *--* E já continuei ^^

      Excluir
  3. Mto bom ! continua (:

    ResponderExcluir
  4. Ta mto bom, continua
    xx Ana

    ResponderExcluir