12/19/2014

UDBC - Cap 16 - Digo, namorada.



Depois de contar tudo para Rafa, Harriett dormiu e no dia seguinte, depois de seu trabalho, ela decidiu que precisava conversar com Elo. Sua prima para todas as horas, sua companheira e única amiga. Talvez não mais única amiga, agora Hazy tinha Rafa também.
 – Deixa ver se eu entendi. – Elo falou depois que Harriett chegou em sua humilde residência falando bobagens. – Louis é o problema dos problemas?
 – Isso. – Harriett falou sorrindo, normalmente a prima demora para entender as coisas.
 – Tipo um rei dos problemas? – Elo perguntou inclinando sua cabeça para ao lado.
 – Não, pensa. Se não fosse por Louis eu não estaria casada com milhares de problemas para tentar resolver. – Harriett falou e Elo riu.
 – Tem razão, daí seria somente um problema a menos. Ou você acha que o Stevie ter aparecido é culpa do Louis?
 – Macumba dele para foder com a minha vida.
 – Seu emprego estar uma merda?
 – Se não fosse por esse casamento eu teria tempo para me dedicar ao trabalho.
 – O natal desastroso que está vindo?
 – Tem como não ser culpa dele?
 – Seu amigo do avião virar gay?
 – Se eu fosse homem viraria gay pelo Louis. – Harriett falou sem pensar  – Não quis dizer isso.
 – Só que você falou. – Elo tinha um sorriso maior que a cara.
 – Foi da boca para fora. Não sinto nada por ele. Nada além de ódio.
 – Claro, pois se fosse homem viraria gay por ele.
 – Cala a boca Eloisa Callan. Eu não queria ter falado aquilo.
 – Tá, vou fingir que acredito em você Srta. Seria gay por Louis Gostoso Tomlinson
 – Esse “gostoso” foi você que acrescentou. – Harriett falou e Elo a encarou com certa dúvida.
 – Mas eu só queria dizer que...  – Elo foi interrompida pela campainha de sua casa tocando loucamente. Ela revirou os olhos e, calmamente, se levantou para atender. Quando abriu a porta, sua boca foi até o chão.
Por aquela porta entraram as piores pessoas que poderiam. Tia Cecilia Callan, uma mulher que só pensa no dinheiro, fama, boa vida. Ela só pensa no seu próprio conforto e no da sua amada filha. Gabriela Callan. Uma menina mimada que odeia Harriett e Eloisa. Na verdade as três sempre estiveram em guerra. Três meninas completamente diferentes nunca concordavam em nada. Até que Elo e Hazz se entenderam e agora o problema é a Gabriela.
 – ELOISA! – Tia Cecilia, ou Cecy, gritou fazendo Harriett e Eloisa revirarem os olhos. – Que saudades! – Ela falou abraçando Elo. – E nossa, você continua a mesma, pele ressecada e cabelo igual.
 – Nossa, tinha esquecido seu jeito meigo de ser. – Elo falou sarcasticamente.
 – Já acostuma querida. – Cecy falou – E HARRIETT, quanto tempo. – E lá se foi mais um abraço falso de Cecilia Callan.
 – Pois é, pena que o tempo não foi maior. – Harriett falou falsa e sorriu.
 – Nossa, ácida como sempre. – Cecy falou e se virou para Elo – Cade sua mãe?
 – Ela saiu, foi comprar presentes de natal. – Elo falou e se virou para Hazy – Continuando, eu só queria dizer que, vocês vão acabar…
 – ELOISA, eu vou dar uma saidinha com a Gabi, daqui a pouco voltamos – Cecy disse e Gabi, que até agora estava mexendo no celular, levantou os olhos.
 – Fazer o que mamãe? – Gabi perguntou com sua melhor cara de “merda”.
 – Compras querida, precisamos de roupas simples para combinar com isso – Cecy disse se referindo ao cômodo. E saiu pela porta de onde entrou. Gabi revirou os olhos e seguiu a mãe.
– Bom, cada vez eu estou odiando mais o natal. – Harriett falou se deitando no sofá.
~x~
– Louis, respira para falar. – Niall resmungou .
Louis tinha chegado em sua casa e lá ainda encontrou Niall, Harry, Zayn e Rafa conversando animadamente. Assim ele tentou falar tudo que se passou por sua cabeça de uma única vez e agora, que ninguém entendeu nada, ele estava tentando explicar.
 – Eu sei que parece loucura, sei que o Harry vai querer me bater. Mas eu estou gostando da Harriett. – Louis falou e Harry ficou de boca aberta.
 – Como assim? Até um dia atrás você queria se livrar dela. – Harry falou.
 – Estou tão surpreso quanto você. – Louis comentou.
 – Eu acho que formam um belo casal. – Rafa comentou sorrindo.
 – Concordo. – Zayn comentou distraído com algum objeto da sala.
 – Porem, eu acho que você está com um problema. – Niall falou coçando a nuca – Hazy falou para mim e para a Rafa que odeia você e que quer se livrar o quanto antes desse casamento.
 – Eu já imaginava esse sentimento dela por mim. – Louis falou.
 – Ok, qual é o seu plano? – Rafa perguntou.
 – Tentar esquecer ela, e ou, conquistar. – Louis respondeu sorrindo.
 – Qual vai ser primeiro? – Zayn perguntou e Harry só revirava os olhos.
 – Tentar esquecer. – Louis falou e Harry sorriu.
 – Nisso, eu posso te ajudar. – Harry falou passando os braços pelo ombro de Louis.
 – Só não se esqueça, sem ficar com ninguém. – Zayn falou, Harry e Louis reviraram os olhos e Rafa o encarou curiosa.
 – Por que sem ficar com ninguém?
 – Regras do maldito contrato. – Louis resmungou.
 – Mas não é só fazer dar certo que vocês podem se separar? – Rafa perguntou e os meninos concordaram. – Porque então, só uma ideia, não fazem dar certo?
 – Porque ela é irritante. – Harry falou e Louis concordou.
 – Não concorde Louis, você falou que está gostando dela. – Niall comentou e Louis coçou a nuca.
 – Isso é verdade, não fale nada do tipo: ela é irritante. – Zayn falou – Você está apaixonado por esse jeito dela. – completou.
 – Apaixonado não, começando a gostar.
 – Sério Louis? E o que você sente quando está perto dela?
 – Vontade de conversar. – Louis falou encarando os amigos.
 – Quando vai se encontrar com ela?
 – Vontade de se arrumar. – Louis falou com tédio.
 – Quando pensa nela?
 – Vontade de vomitar. – Louis falou rindo e Harry começou a rir que nem um louco, eles se encararam e fizeram um hi-5.
 – LOUIS!
 – Ok, desculpe, não aguentei. Sei lá. Mas que chatos vocês
~x~
Liam tinha saído para fazer compras de natal. Ia passar o natal com sua família em sua cidade natal. Depois ele e os meninos iriam tentar juntar as famílias para passar o ano novo em Londres. Normalmente não dava certo, mas planos não faltavam.
Na verdade ele queria um motivo para se afastar um pouco de Louis. Achava que tudo isso era infantilidade dele.
Liam entra em uma loja de roupas femininas para ver os presentes das suas irmãs. Nisso ele tromba com uma menina morena, meio parecida com Harriett.
 – Oi, desculpa. – Liam falou e sorriu.
 – Tudo bem. – a menina falou sorrindo. – sou muito sua fã, posso tirar uma foto?
 – Claro. – Assim Liam foi para o lado dela e tirou uma foto.
 – Muito obrigada. – a menina falou e Liam sorriu.
 – Você me lembra muito uma pessoa. – Liam falou se lembrando de Harriett.
 – Quem?
 – A esposa de um amigo meu. – Liam falou e quis se bater ao notar o que falou – Digo, namorada.
 – Bom, não sou ela.
 – E qual o seu nome?
 – Gabriela.

Heey,
SETE DIAS!!!
Gente, qual o numero favorito de vocês??
Eu tenho três numeros favortios, 
eu gosto muito do numero 1, 7 e 26.
Não sei pq ahahahah
Um beijo e um queijo
Tália

2 comentários:

  1. Taaaalia amor , primeiramente mil desculpas por não estar comentando mas não tava dando ... eu estou adorandoo a reescrita tipo muito
    Bom meus números favoritos são 1 ,12 , 13 ,que para alguns dão azar mas pra mim da sorte , 24 e 29
    Continuaaaaa por favor você é dos deuses Tália beijoooo
    …Karol…

    ResponderExcluir